segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Se expressar...



Cada pessoa tem a sua maneira de se expressar, demonstrar ou sentir algo. Algumas pessoas gostam de ler textos que falem sobre vivências que elas estejam passando. Outras preferem conversar com amigos; viajam em músicas ou possuem blogs de citações. Há também aquelas que gostam de escrever e traduzem os seus pensamentos em palavras. O fato é que externalizar os nossos sentimentos nos faz muito bem, pois alivia as nossas angústias;  fica mais fácil de encontrarmos soluções para os nossos problemas e reorganiza as nossas ideias. O que não devemos é guardar tudo para nós, pois chega uma hora que os pensamentos não cabem dentro da gente. Precisamos falar, gritar se for o caso, mas tem certas coisas que precisamos externalizar, de uma forma ou de outra. Tem coisas que são para serem sentidas; algumas compartilhadas e outras para serem escritas. Por isso, uma dica para quando a pessoa estiver cheia de pensamentos soltos é escrever, embora que depois a pessoa rasgue, o mais importante é que a pessoa externalize os seus sentimentos, bons ou ruins, pois assim se sentirá mais aliviada. O papel e a caneta também são bons amigos, ouvintes e às vezes muito sábio também.





 The Fray - Vienna

3 comentários:

Tina disse...

Eu sou como Clarice: "vou me acumulando, me acumulando, me acumulando... Até que não caibo em mim e estouro em palavras."

PS: É de minhas memórias de infância e adolescência essa florzinha da imagem.

LINDO POST :>
Como sempre!

Luzia Medeiros disse...

A maneira que escrevemos e transmitimos sentimentos é muito importante, pois revela a nossa alma.
Beijos.

PS. Encontre teu blog no cantinho do Leonardo e estou seguindo aqui.

Priscila Lima disse...

Concordo com vcs meninas! *-*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...