terça-feira, 20 de março de 2012

Forte e breve


Por acaso em minha vida chegastes
E talvez não por acaso, estejas saindo
Forte e breve
Como um vento quente
Que nos aquece em dias frios...
Ao som de belas canções
Me despeço de suas lembranças
Em meio a um turbilhão de sentimentos
Tento resguardar a minha esperança
De que dias melhores virão,
Assim como um novo e verdadeiro amor.
Meu coração partido e eu
Desejamos que você seja feliz
E esperamos que jamais esqueça
Desse alguém que tanto bem te quis...
Direi um "até breve"
Para ocultar o doloroso "adeus"
Siga o seu caminho
E se for para ser, um dia nos reencontraremos
Livres e soltos, como pássaros
Voltando para o seu ninho...




16 comentários:

PapoBacana disse...

"..Tento resguardar a minha esperança
De que dias melhores virão.."

tenho feito isso para passar pelos agostos da vida..

abraços querida..
belo texto

Cris Martins disse...

ki lindo flor!
adoro tudo o que vc escreve sabia!!
ja pensou em escrever um livro?

estou criando um projetinhu onde toda semana tera postagem de blogueiras amigas, vou amar se vc participar!
logo vou postar sobre!!

Bjao

Sheila do Blog Passarinhos no Telhado disse...

Lindo Pri...
É o outono trazendo as renovações...
beijão! :)

Priscila Lima disse...

Obg meninas! *-*
Adoraria participar Cris!

Cleber Eldridge disse...

palavras singelas, sentimentos grandiosos. lindo!

Rick disse...

Sabe... Sei bem como é isso. Te entendo.
E sim, os dias frios acabam, nunca duram mais de um dia, e ai, quando o sol vem, os ventos quentes já não importam tanto, já não aquecem tanto. Mesmo por que passamos a preferir um brisa mais fria. E as coisas já não são os mesmas.
E despedidas sempre serão despedidas: com tristeza, saudades, solidão(de certo modo também).
Mas quando a gente gosta, a gente permite que se vá embora. Já dizia Bob Marley que Tudo que foi realmente nosso sempre volta.
Então, talvez as águas que levaram tragam de volta. A vida é assim.
Lindo texto. Bjws"

Alê disse...

Esse trecho me deu um aperto de saudades no coração,


Lindooooooooooo!

Letícia disse...

Me lembrou uma música: 'Mas se o meu destino for você, a gente ainda vai se ver. E se o amor nos esperar, a gente ainda vai se amar.'

Lindo. *-*
Beijo flor.

Tina disse...

Me lembrou uma frase:
"Deixe livre td que ama, se voltar é pq vc realmente conquistou, se não, é pq jamais possuiu"

Boa troca de folhas, bom outonear pra vc poetiza amiga.

Ontem foi o dia internacional da poesia, eu fiz celebração lá no blog no dia nacional, que por sinal tb é em março.
Viva março!
Viva a poesia!
Viva o outono!

wcastanheira disse...

Um ótimo post, um texto inteligente e gostoso de ler, foi uma delicia passear por aqui, seu texto é leve, é intenso de boas emoções, pra vc bjos, bjos e bjosssssssssssssss

Bixudipé disse...

É o destino descrito belamente em poesia: parabéns, Priscila!
Lembou-me do poetrix de Leminski:

"Não discuto
com o destino
O que pintar
eu assino"

Abração,
Rodrigo Davel

Emanuelle Klyss disse...

Como sempre escrevendo muito bem. Pois é flôor, mudanças acontecem, espero que dias melhores retornem pra ti.

Beijooos ;*

Weslley M. Almeida disse...

O amor: esse sentimento tão necessário quanto inevitável.

Daniela disse...

A vida se encarregará de colocar o amor sempre mais próximo da gente .

Bjoss !

Cris Martins disse...

lindoka, te mandei email sobre o projeto viu!

bom fds
BJAO

AquilesMarchel disse...

lindo texto
PENA Q NAO CREIO MAIS NOS SERÁS DA VIDA


quem sabe amanhã?


saudade daqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...